terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Brincos racistas da Dolce&Gabanna.


Essas argolas ou brincos que a grife Dolce&Gabanna lançou na Coleção Primavera 2013  causaram polemica porque as figuras lembram muito as Mammys( nos Estados Unidos) Amas de leite      ( no Brasil) ou seja retrata a imagem das mulheres do tempo da escravidão. A explicação dada pela grife é de que as imagens são de mulheres dos Mouros. Os Mouros eram vários povos que vivia no norte da África e foram convertidos pelos Árabes ao Islã,(quando estes invadiram o norte da África). Unidos sob a bandeira do Islã  desejavam conquistar a Europa.Chegaram a conquistar a Pernisula Iberica (atual Espanha e Portugal) e ficaram dando ordens por lá por uns 700 anos...e deixaram um importante legado de civilização, hoje absorvido pelos povos ibérico: Espanha e Portugal. A explicação não convenceu, principalmente pela falta de sensibilidade da marca ao trazer de volta atraves da moda uma imagem de servidão e sofrimento pela qual a mulher negra sofreu durante anos.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário