Translate

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

sábado, 29 de outubro de 2011

Uma ajuda para quem esta começando no mundo do Fashion Business!


Todo estilista recém-formado tem a mesma dúvida: trabalhar para uma grife ou abrir minha própria marca? Quem opta pela segunda opção sempre se pergunta como vai vender suas peças, já que abrir uma loja logo de cara não é nada fácil. A internet tem dado uma super ajuda para estes novos talentos através de uma estratégia chamada Crowdsourcing.
threadless
styletrek
fashionstake
Neste modelo, os designers podem criar peças-piloto e colocar em sites especializados. Elas só serão produzidas se os consumidores efetuarem um pré-pedido ou se houver um determinado número de votos aprovando a criação. Alguns bons exemplos são o Threadless, que vende camisetas, o StyleTrek, que tanto procura estilistas emergentes quanto aceita o cadastro de novos talentos, e o FashionStake, que surgiu em Harvard, onde uma aluna de MBA teve a idéia de colocar online peças de novos talentos que não encontrava em lugar nenhum. Cada empresa acha sua própria forma de financiar e remunerar os designers, que gastam pouco e podem se capitalizar para expandir a marca.
No fim, é interessante para ambos os lados: o consumidor tem mais opções e o estilista pode planejar as etapas de seu crescimento e divulgar seu nome de diversas formas. A idéia é ótima e um caminho para começar a carreira.
Taí uma sugestão para empreendedores em Fashion Business usarem essa ideia aqui no Brasil.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário